Cinema e TV, Leitura

Elenco dos Sonhos: A RAINHA VERMELHA, de Victoria Aveyard

Off 4081
A-Rainha-Vermelha-1-760x390

Sinopse: O mundo de Mare Barrow é dividido pelo sangue: vermelho ou prateado. Mare e sua família são vermelhos: plebeus, humildes, destinados a servir uma elite prateada cujos poderes sobrenaturais os tornam quase deuses. Mare rouba o que pode para ajudar sua família a sobreviver e não tem esperanças de escapar do vilarejo miserável onde mora. Entretanto, numa reviravolta do destino, ela consegue um emprego no palácio real, onde, em frente ao rei e a toda a nobreza, descobre que tem um poder misterioso… Mas como isso seria possível, se seu sangue é vermelho? Em meio às intrigas dos nobres prateados, as ações da garota vão desencadear uma dança violenta e fatal, que colocará príncipe contra príncipe — e Mare contra seu próprio coração.

       A primeira impressão que este livro me passou é que se tratava de uma mistura de duas séries para Jovens Adultos já mundialmente conhecidas: “Jogos Vorazes” e “A Seleção”. Assim que terminei de lê-lo, já o imaginei como filme. E quem seria a equipe técnica e o elenco que imaginei para esta adaptação cinematográfica dos sonhos?

EQUIPE TÉCNICA

Direção: Gary Ross (Jogos Vorazes: Em chamas, Eu sou a Lenda, Constantine, Água para Elefantes)

O “clima” de Jogos Vorazes deste livro fazem com que eu indique o diretor da adaptação dos livros 2 (Em Chamas) e 3 (A Esperança, dividido em 2 filmes) para as telonas. Além disso, a experiência dele com outras adaptações de clássicos da literatura distópica/ficção científica e de HQ é incrível, tornando-o o cara perfeito para liderar minha adaptações dos sonhos dessa série.

Roteiro Adaptado: Vanessa Taylor (Divergente, Game Of Thrones, Alias)

Uma das coisas mais difíceis em uma adaptação para as telonas de uma série literária de sucesso é conquistar os fãs. Para isso, o trabalho do roteirista é essencial, pois ele vai garantir (ou não) que o espírito da obra será mantido. A escolha da Vanessa se deu pela sua experiência (a meu ver, bem sucedida) com adaptação de obras que têm fãs fiéis pelo mundo. Ela foi uma das roteiristas do primeiro filme da série Divergente, de 2014, o qual, para mim, foi o melhor adaptado dos três lançados até o momento. Além disso, Vanessa também é produtora e foi responsável pelo roteiro de vários episódios de GoT, uma das minhas séries favoritas de todos os tempos, inspirada na série literária “Crônicas de Gelo e Fogo”, de George R. R. Martin.

Trilha Sonora/Compositor: Junkie XL (Deadpool, Mad Max: Estrada da Fúria, Batman vs Superman)

Com muitas cenas de ação de tirar o fôlego, a trilha sonora de uma versão cinematográfica da obra de Victoria Aveyard também teria que ser de tirar o fôlego. Para tanto, ninguém melhor que o maravilhoso Junkie XL, que compôs algumas das melhores trilhas sonoras de filmes de ação. Quem não ficou arrepiado com Mad Max e Deadpool?

ELENCO (dos principais personagens):

mare burrow

Mare Barrow: Phoebe Tonkin (The Originals, Vampire Diaries, Guerreiros do Amanhã)

cal prince

Tiberias Cal Calore VII: Tyler Hoechlin (Teen Wolf, Estrada para a perdição, Cinquenta Tons mais Escuros)

maven red queen

Maven Calore: Logan Lerman (As Vantagens de Ser Invisível, Percy Jackson, Corações de Ferro)

#lrdo

#laisrodrigues

Facebook

Instagram

No images found!
Try some other hashtag or username